Visto de estudante no Canadá permitirá trabalhar sem limite de horas

O governo canadense anunciou recentemente que o visto de estudante no Canadá passará a permitir que estudantes estrangeiros trabalhem sem limite de horas. Antes do anúncio, estudantes estrangeiros podiam trabalhar até de 20 horas por semana no país.

Visto de estudante no Canadá permitirá trabalhar sem limites

Até então, qualquer aluno com visto de estudante canadense para trabalhar fora do campus tinha permissão para ter um trabalho de no máximo 20 horas por semana durante o período letivo. O trabalho em período integral era permitido apenas durante os intervalos programados.

passam a valer no dia 15 de novembro e estarão em vigor até o final de 2023.

“Com a economia crescendo a um ritmo mais rápido do que os empregadores podem contratar novos trabalhadores, o Canadá precisa analisar todas as opções para que tenhamos as habilidades e a força de trabalho necessárias para impulsionar nosso crescimento. A imigração será crucial para resolver nossa escassez de mão de obra. Ao permitir que os estudantes internacionais trabalhem mais enquanto estudam no Canadá, podemos ajudar a aliviar as necessidades prementes em muitos setores em todo o país, ao mesmo tempo em que oferecemos mais oportunidades para que os estudantes internacionais ganhem uma valiosa experiência de trabalho canadense e continuem contribuindo para nossa recuperação de curto prazo e prosperidade”, afirmou o ministro.

O objetivo da resolução é que jovens que estejam estudando com visto de estudante no Canadá válido possam ajudar na recuperação e no crescimento da nação no pós-pandemia. De acordo com as informações divulgadas pelo governo canadense, já existem mais de 500 mil pessoas nessa situação, que poderão estudar e trabalhar no Canadá.

Além disso, a novidade também possibilita que estudantes tenham mais condições de se sustentar durante o intercâmbio e também que possam ter uma experiência profissional no exterior.

A mudança vale para quem já pediu o visto de estudante no Canadá?

Os estrangeiros que já estão com visto de estudante no Canadá não serão restringidos pela regra das 20 horas por semana. Os estudantes que já apresentaram pedido de visto também poderão se beneficiar dessa mudança, caso venham a ter o seu pedido de visto de estudante canadense aprovado.

No entanto, é importante notar que os estudantes precisam equilibrar os seus compromissos de estudo e trabalho. Quem parar de estudar ou reduzir a carga horária da universidade para meio período não é elegível para trabalhar fora do campus. Além disso, a regra só vale para estudantes com visto de estudos universitários.

Mais mudanças em 2022 para estudantes no Canadá

No mesmo anúncio, o ministro afirmou que está sendo desenvolvido um projeto para ajudar a automatizar o processo de inscrição para a extensão dos vistos de estudo. Dessa forma, alguns processos poderão ser aprovados automaticamente. O intuito é reduzir atrasos de imigração e o programa vai ter um piloto antes de ser lançado oficialmente.

Além da possibilidade do visto de estudante no Canadá permitir trabalhar sem limitações de horas, outras medidas lançadas recentemente beneficiam estudantes internacionais e recém-graduados no país. Entre elas, estão a oportunidade de obter um visto de trabalho adicional no Canadá de 18 meses após o vencimento do visto de trabalho de pós-graduação no país.

para maiores informacoes acesse o site www.partiuintercambio.org

Compartilhe

Fabiana Ceyhan

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.