Na visita de Donald Trump ao Vietnã, o Vietnã e os Estados Unidos assinaram contratos no valor de US $ 21 bilhões.

Durante a sua visita ao Vietnã para a segunda Cúpula EUA- RDPK, de 27 a 28 fevereiro, o Presidente Donald Trump manteve conversações com o Presidente Nguyen Phu Trong e com o primeiro-ministro vietnamita Nguyen Xuan Phuc

O Secretário Geral, Presidente Nguygn Phu Trong e oPresidente  Donald Trump

Nas negociações, os líderes vietnamitas expressaram as boas-vindas aos Estados Unidos e à Coréia do Norte para escolher o Vietnã como sede da Segunda  Cúpula; Afirmar o forte apoio do Vietnã ao processo de diálogo rumo ao objetivo de desnuclearização e a construção da paz durável na península coreana; apreciar altamente  a cooperação dos Estados Unidos em áreas específicas tais como: econômico – comércio, educação, recuperação  das conseqüências da guerra; Afirmar a política externa consistente do Vietnã  é atribuir grande  importância ao desenvolvimento de uma parceria abrangente com os Estados Unidos.

O Presidente Donald Trump expressou a sua alegria em  rever o Secretário Geral, o Presidente Nguyen Phu Trong e o Primeiro Ministro Nguyen Xuan Phuc; expressar a boa impressão sobre a  hospitalidade do povo e o desenvolvimento impressionante do Vietnã. O Presidente Donald Trump agradeceu ao Vietnã pelo seu apoio muito favorável e cuidadoso à reunião da Cúpula EUA-Coréia, apesar de um curto  tempo para preparação, enfatizando a importância da Cúpula no Vietnã porque o Vietnã é um bom exemplo das realizações que podem ser alcançadas se houver um raciocínio correto.

O presidente Donald Trump enfatizou que os Estados Unidos continuarão a cooperar com o Vietnã na promoção da parceria abrangente de forma mais substancial e efetiva no futuro e afirmou que os Estados Unidos continuarão a desempenhar um papel ativo na região do Indo-Pacífico para manter a ordem baseada em regras, promover a paz, estabilidade, cooperação e desenvolvimento nesta importante região do mundo.

O Secretario Geral,Presidente do Vietnã Nguyen Phu Trong nas conversações com o Presidente DonaldTrump

Os líderes dos dois países expressaram sua satisfação com  constante evolução nas relações dos dois países ao longo do tempo em muitos campos, desde política – diplomacia, segurança – defesa, educação – treinamento…, em particular, as relações econômicas e comerciais com o volume de negócios bilateral de mais de US $ 60 bilhões em 2018, com um incremento de 46% das exportações americanas ao Vietnã, o maior aumento nos mercados exteriores para exportações americanas.

O Primeiro-MinistroNguyen Xuan Phuc e o Presidente Americano Donald Trump 

A fim de manter e promover o bom ritmo de desenvolvimento das relações econômicas e comerciais, os  lideres  concordaram em continuar implementando os mecanismos de cooperação existentes, tais como o Acordo Comercial Vietnã- EUA,  Acordo Quadro sobre o Comércio e Investimento  EUA-Vietnã (TIFA) e em continuar discussões sobre  possibilidades  de melhorar e estabelecer o quadro de cooperação comercial e de  investimento, em consonância com o desenvolvimento das relações económicas e comerciais e das caraterísticas da parceria abrangente. O Presidente Donald Trump apreciou altamente o manejo ativo e positivo do Vietnã de uma série de questões comerciais prioritárias, afirmando seu forte apoio à cooperação nessa área em benefício dos dois países.

O Primeiro-MinistroNguyen Xuan Phuc e o Presidente Donald Trump num almoço de trabalho

Nesta ocasião, o Presidente Donald Trump  convidou o Presidente Nguyen Phu Trong para  uma visita oficial aos Estados Unidos em 2019 a fim de discutir mais  medidas para visando aprofundamento pleno da parceria bilateral.

Após as negociações, o Secretário Geral, oPresidente do Estado Nguyen Phu Trong e o Presidente Donald Trump testemunharama  assinatura de importantes contratos econômicos  no valor de mais de US $ 21 bilhões.

Com a colaboração e divulgação do Embaixador do Vietnã no Brasil,

Sr. Do Ba Khoa.

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.