Entrevista com Ana Luiza Andrade sobre harmonização facial, autoestima e bem estar social

1- Conte nos um pouco sobre a sua trajetória profissional e como você decidiu se tornar uma profissional desta área de saúde estética?

Sou formada em Odontologia pela Universidade Católica de Brasília (UCB), com especialização em Endodontia pela Associação Brasileira de Odontologia (ABO) e também especialista em Harmonização Orofacial pelo Instituto Jammal. Fui uma das primeiras dentistas de Brasília a ter um título de especialista em Harmonização Orofacial. Decidi seguir na área de estética porque tive um incentivo muito grande da minha família, que acreditava que, por eu ser muito vaidosa, me daria bem na área.

2- Como você acredita que a ajuda estética pode melhorar a autoestima das pessoas?

A autoestima das pessoas está relacionada com o que ela vê no espelho, e quando nos deparamos com algo que não nos agrada e descobrimos que isso pode ser corrigido de forma minimamente invasiva, temos uma nova visão sob nós mesmos.

3- Você acha que melhora o humor? Os contatos sociais? Ou seja, a pessoa que se sente melhor também tem relacionamentos melhores?

Com certeza melhora o humor e a vida social! Quando estamos confiante com nós mesmos, nos sentimos muito mais seguros para encarar os desafios do dia-a-dia.

4- Por favor use este espaço para falar sobre considerações sobre a profissão e também incentivar as pessoas a se sentirem melhores, cuidando delas mesmas.

Nós, dentistas, somos profissionais extremamente responsáveis e capacitados para exercer a harmonização orofacial, porque durante o período de graduação estudamos tudo com ênfase em cabeça e pescoço.
Quando nós nos arrumamos e nos sentimos bem consigo mesmos, ativamos uma luz que às vezes nem sabíamos que existíamos! Quando estamos bem com a nossa aparência, até a nossa mente se conecta melhor com o mundo. Sem regras, sem protocolos, apenas fazendo o que faria a pessoa se sentir mais bonita e mais segura com a própria imagem.

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.