Embaixada do Japão colabora com campanha contra Covid-19 no DF

    A Embaixada do Japão é uma das colaboradoras da campanha “GDF e Embaixadas Unidos Contra a Covid-19”, conduzida pelo Governo do Distrito Federal (GDF). A iniciativa promove a arrecadação de alimentos e materiais para a prevenção do novo coronavírus, com o objetivo de atender a população carente do Distrito Federal.

    A Embaixada do Japão doou um total de 240 unidades de álcool em gel, 192 detergentes, 48 sabões líquidos e 215 máscaras. A lista inclui itens adquiridos pela embaixada e também produtos arrecadados pelos funcionários. A entrega dos materiais foi realizada nesta terça-feira (9/6).

    O embaixador do Japão no Brasil, Akira Yamada, esteve presente no momento da doação, e ressaltou que este momento de dificuldade pode ser superado com a colaboração de todos. ”Para nós, é uma alegria poder colaborar com o governo do DF e ajudar pessoas necessitadas”, declarou. O embaixador também parabenizou Brasília pelos seus 60 anos de fundação, e manifestou sua esperança de que a cidade possa celebrar o aniversário após a superação da pandemia.

  

    A campanha “GDF e Embaixadas Unidos Contra a Covid-19” teve início em 20 de maio e arrecada doações até 15 de junho. A iniciativa tem como objetivo doar alimentos e insumos à população mais carente das diversas regiões administrativas do Distrito Federal. A parceria internacional que alicerça o projeto promove a garantia do acesso a condições dignas para a população em situação de vulnerabilidade no contexto da pandemia do novo coronavírus no Distrito Federal.

    A ação  é baseada nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas, e conta com a colaboração da Subsecretaria de Proteção e Defesa Civil do DF, responsável pelo recolhimento, logística e distribuição das doações.

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.