Beirute recebe mostra sobre obra de Niemeyer

O Instituto Guimarães Rosa de Beirute, no Líbano, abre nesta quinta-feira (11) uma exposição com obras de arte selecionadas no prêmio “Meu Olhar Sobre a Feira de Trípoli”. A premiação teve como foco o espaço físico dessa feira, projetado pelo arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer. A exposição será inaugurada das 18h às 21 horas e poderá ser vista até o dia 31 de julho de forma gratuita.

De acordo com informações da Embaixada do Brasil em Beirute, que promove a mostra junto com o Instituto Guimarães Rosa da capital libanesa, as melhores 20 obras de arte selecionadas pelo prêmio estarão expostas. Uma mostra igual foi realizada já na própria cidade de Trípoli em abril. O Instituto Guimarães Rosa promoveu o concurso com a embaixada e é um órgão do governo brasileiro voltado à diplomacia cultural e educacional que atua em consonância com as embaixadas nos países.

A obra HELP, de Pietro Bassil, uma das 20 escolhidas: feira pede ajuda

©Pietro Bassil
A obra HELP, de Pietro Bassil, uma das 20 escolhidas: feira pede ajuda

A Feria Internacional Rachid Karami ou Feira de Trípoli é um grande pavilhão de exposições projetado por Niemeyer. Fica em área de 70 hectares, com a cobertura do prédio principal em forma de bumerangue, espaço para mostras e outras atividades. Foi construído como parte de um projeto de modernização do Líbano nos anos 1960. Em 2023 foi considerado Patrimônio Mundial em Perigo pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) por necessitar conservação.

Em comemoração ao fato de a cidade de Trípoli ter sido escolhida como a Capital Árabe da Cultura 2024 e à inscrição da feira como patrimônio em perigo pela Unesco, os organizadores criaram o prêmio “Meu Olhar Sobre a Feira de Trípoli”. De acordo com o material divulgado pela organização, o objetivo da premiação foi trazer à tona o que os jovens pensam sobre a Feira de Trípoli, como a usam, o que acham do contraste entre o projeto idealista, o presente ameaçado e o futuro potencial da feira.

Os artistas

Foram recebidas 180 inscrições de libaneses e pessoas que moram no Líbano com idades entre 18 e 35 anos. Três artistas vencedores receberam um prêmio de US$ 1 mil cada: Ieva Saudargaite Douaihi, Mariam Maaliki e Mohamad Alamin Younis. Os outros artistas cujas obras foram selecionadas e farão parte da exposição são Anass Joudaydeh, Bachira El Aref, Carl Bilen, Diego Castro Alvarez, Lara Abi Saber, Leila Charafeddine, Malek Halwany, Mohamad Beirouty, Mohamad Tartoussi, Najib Sakr, Nizar Maaliki, Nour Maaliki, Pietro Bassil, Reem Rafei, Sara Rafihi, Stephanie Tager e Tharaa Captan.

Exposição:
Prêmio “Meu Olhar Sobre a Feira de Trípoli”  – Obras Selecionadas
De 11 a 31 de julho
Dia 11 das 18h às 21h – Dia 12 em diante, de segunda a sexta-feira, das 11h às 19h
Instituto Guimarães Rosa – Rua Mar Mitr – Achrafieh – Beirute – Líbano
Visitação gratuita
Mais informações aqui

Compartilhe

Fabiana Ceyhan

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.