Justiça Turca determina a libertação imediata de pastor evangélico americano

FOTO:

EPA/TOLGA BOZOGLU

Na Turquia, a justiça determinou a libertação imediata do pastor evangélico norte-americano acusado de atividades terroristas.A situação de Andrew Brunson tem sido um dos principais braços de ferro, entre a Turquia e os Estados Unidos dando origem a um conflito diplomático entre os dois países.

O tribunal turco declarou o pastor culpado dos crimes e condenou o cidadão a três anos de prisão efetiva.No entanto dois anos da pena já foram cumpridos.  O pastor  lidera uma pequena igreja evangélica em Izmir há cerca de 20 anos e foi acusado logo após a tentativa de golpe contra o presidente Erdogan.No entanto, por já ter estado detido, quer num estabelecimento prisional, quer em prisão domiciliária, o homem vai agora ser libertado.  O Presidente Americano Donald Trump comemorou em comentário no twitter.

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.