Espanha comemora data nacional acreditando na recuperação da economia

Em coletiva, embaixador Fernando García Casas, faz balanço positivo das relações bilaterais e da volta ao crescimento com o controle da pandemia. Embaixada preparou uma celebração virtual para essa terça-feira (12).

O embaixador da Espanha Fernando García Casas afirmou, no dia 08,  que o comércio com o Brasil, nos seis primeiros meses de 2021, recuperou o impulso e registrou saldo melhor que no mesmo período do ano passado. A seu ver, isso ocorreu por causa da diminuição da intensidade da pandemia do Covid-21. Em entrevista coletiva, antecipando a data nacional comemorada hoje (12), Casas deu um panorama das relações com o Brasil, falou do ensino de espanhol, de ações sociais, das suas visitas à Amazônia e Fórum Empresarial Hispano-Brasileiro.

Durante a coletiva à imprensa, o embaixador fez um convite para a participação no seminário “Amazônia in loco”, promovido pelo governo da Espanha, que será realizado em Belém, no Pará, nos dias 9, 10 e 11 de novembro. O evento, segundo ele, reunirá diplomatas, empresários e autoridades governamentais. Espera-se a participação do vice-presidente da República, Hamilton Mourão. “A floresta pode oferecer negócios sustentáveis. Pode ser fonte de renda para bioalimentos e biofarmácias”, explicou o diplomata. De acordo com ele, pagamentos de serviços ambientais e soluções para preservar e desenvolver a região Amazônica também devem ser assuntos debatidos no seminário.

O embaixador Casas disse que 27 milhões de pessoas com baixo nível de renda vivem na região Amazônica brasileira e de outros países, e que podem ser beneficiadas com emprego, nos investimentos a serem feitos com sustentabilidade. “Hoje, os investimentos espanhóis geram 180 mil empregos diretos no Brasil”, informou. Segundo o chefe de missão espanhol, o Brasil é o quarto destino de investimentos estrangeiros feitos pela Espanha, atrás apenas dos Estados Unidos, Reino Unido e México. A seu ver, um mercado promissor para empresários espanhóis, que hoje administram seis aeroportos e atuam em setores como bioenergia, bancos, seguros, telefonia, entre outros, no Brasil.

Os espanhóis, segundo o embaixador, investem 45 milhões de euros no Brasil, enquanto o investimento dos brasileiros na Espanha é de apenas dois milhões de euros. Na opinião de Casas, o “Amazônia in loco” será uma oportunidade para apresentar e debater ações de preservação ambiental. A iniciativa é da Câmara Oficial Espanhola de Comércio no Brasil e Eurocâmaras no Brasil. O seminário será realizado em formato presencial (na Estação Docas) e virtual.

O embaixador Casas divulgou ainda o Fórum Empresarial Hispano-Brasileiro, que vai se realizar de 13 a 15 de dezembro, no Recife, Pernambuco. O evento tem como objetivo discutir estrutura, saneamento, mudanças climáticas, parcerias públicas privadas.

Embaixador Fernando Casas com as cestas básicas que está arrecadando para a próxima ação social da embaixada.

Ação Social – Fernando Casas falou também sobre a ação de cooperação da embaixada da Espanha com o Sesc para arrecadar e distribuir cestas básicas para pessoas carentes no entorno de Brasília. O diplomata lembrou que a empresa Gomes da Costa, do grupo espanhol Calvo, doou 70 mil latas de sardinhas também para distribuir à população necessitada no DF. “Junto com a Mapfre, distribuímos 90 mil kg de alimentos, no entorno de Brasília”, contou.

Espanha, de acordo com o embaixador, também forneceu aos hospitais brasileiros 90 mil kits de intubação para as vítimas da Covid-19. “Somos amigos nos tempos bons e nos tempos não tão bons”. Casa lembrou ainda que a Espanha está apoiando a entrada do Brasil na OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico).

Cultura Hispânica– o embaixador espanhol lembrou que Brasília será a capital ibero-americana de cultura em 2022; que no dia 25 de outubro, a secretária de estado comércio da Espanha vem pela terceira vez ao Brasil; e que no dia 24 de novembro, será realizado na embaixada da Espanha um jantar de gala para representantes de mais de 260 empresas, com premiação para um brasileiro e um espanhol.

Existe hoje no Brasil, de acordo com o diplomata, um número de 800 Institutos Cervantes, além do Colégio Miguel de Cervantes, em São Paulo. “Mais de três mil estudantes brasileiros estudam na Espanha. Cerca de 4,5 milhões de brasileiros estudam espanhol, opção mais escolhida de língua pelos estudantes que fazem as provas do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem”, informou o embaixador Casas.

Pianista Daniel Grajaú

Festa online – A data nacional espanhola marca a chegada de Cristóvão Colombo à América, também chamada de Festa Nacional da Espanha ou Dia da Hispanidade, considerado o Dia do encontro entre dois mundos. Em Brasília, a embaixada da Espanha organizou uma comemoração virtual, nesta terça-feira (12), às 19h, sendo transmitida pelo canal do youtube Espanha no Brasil. Será possível escutar as palavras do Ministro de Assuntos Exteriores, União Europeia e Cooperação, José Manuel Albares, e do Embaixador Fernando Garcia Casas. Haverá ainda uma apresentação do pianista de São Paulo, Daniel Grajaú. Todos poderão apreciar a influência espanhola na música brasileira, seja no gênero, no estilo ou na inspiração estética por parte de cada um de onze destacados compositores brasileiros O link é https://www.youtube.com/channel/UC7Na-ljFXzgCUfilwXL62vQ

Fonte: Embassy News

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.