Embaixadas em Brasília trabalham com pessoal reduzido

Várias embaixadas em Brasília trabalham com um número reduzido de pessoas, sem atendimento ao público, apenas emergências. Os eventos culturais abertos e fechados ao público foram adiados sem datas para remarcação. A Embaixada de Portugal, por orientação do governo, decidiu estender a validade de documentos para que cidadãos não precisem se deslocar até a sede para não correrem riscos.

A Embaixada dos EUA, cancelou a emissão de vistos para o País.A da França também diminuiu as atividades. Namíbia não está emitindo vistos e a entrada e saída de pessoas que não trabalham no local é restrita e monitorada na maioria desses orgãos internacionais.

Vários diplomatas estrangeiros trabalham em casa até que a situação se reestabilize em Brasília .

Seguem informações da Embaixada de Portugal:

No contexto atual de medidas extraordinárias para resposta à situação epidemiológica do coronavírus/Covid-19, é recomendado que os cidadãos utilizem os canais digitais / internet e telefónicos para acesso a serviços públicos

Foram também já anunciadas várias medidas que permitem aliviar a afluência aos balcões e serviços de atendimento.

Documentos que expiram depois de 24 de fevereiro continuam válidos até 30 de junho

O governo decretou que os documentos cuja validade termina a partir de 24 de fevereiro permanecem válidos até 30 de junho.

Esta medida aplica-se a:

  • Cartão de Cidadão
  • Carta de condução
  • Registo Criminal
  • Certidões
  • Documentos e vistos relativos à permanência em território nacional.

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.