Vinhos eslovenos são apresentados em evento gastronômico na embaixada em Brasília

O embaixador da Eslovênia no Brasil, Alan Brian Bergant, apresentou a um seleto grupo de convidados, vinhos  que já estão no mercado brasileiro, e já  são vendidos  no país , inclusive em Brasília. A intenção é ampliar ainda mais o mercado e  mostrar a qualidade dos vinhos eslovenos.

Martin Puklavec teve uma visão:  produzir  os melhores vinhos juntos. Essa filosofia continua a ressoar através da família. Vinhos da Família Puklavec Vladimir Puklavec e suas duas filhas, Tatjana e Kristina. A Puklavec Family Wines está localizada no coração de Ljutomer-Ormož, na região de Podravje, na parte nordeste da Eslovênia,  onde  é o lugar perfeito para o cultivo de uva. No Evento foram apresentados aos convidados os diferentes tipos de vinho produzidos e o Sommelier  e representante da vinícola, Moacir Martins, explicou a peculiaridade de cada um. O vinho é amplamente comercializado no Brasil e a sede do escritório comercial  é em Santa Catarina, para mais informações acesse www.puklavecfamiliywines.com.br

“O vinho sempre foi um trunfo importante, que está inserido na culinária como alimento, tanto  na Europa quanto na região mediterrânea e é acompanhado por uma gastronomia muito rica, que vai das mais simples e tradicionais às mais refinadas. O vinho contém uma série de substâncias benéficas à saúde, e mais do que qualquer outro plantio reflete a diversidade do país, a cultura local e clima e as condições em que as uvas amadurecem e são submetidas em seu processamento. Com moderação, o vinho também pode ser um estímulo agradável e pode ter um efeito benéfico ao bem-estar humano.

A viticultura é também uma parte importante da agricultura na Eslovênia. Além das grandes adegas, há também muitos pequenos produtores de vinho que produzem uvas e vinhos para consumo próprio ou para vendas muito pequenas.
A Eslovênia desfruta de uma influência favorável do Adriático no oeste e das grandes planícies do rio Donava no leste, sendo influenciado pelo clima alpino. A Eslovênia já era conhecida desde o período romano como um produtor de vinhos. Temos três regiões vitícolas: Primorje, Podravje e Posavje, estas são subdivididas em distritos e bairros onde crescem as variedades de uva. Em 2000, a Eslovênia cobriu mais de 200.000 hectares com vinhedos. A estimativa de produção na República da Eslovênia é entre 80 e 100 milhões de litros de vinho, onde aprox. 40% é para consumo próprio e, consequentemente, esta produção não é registrada.
A produção de acordo com as classes de qualidade é a seguinte: 9% dos vinhos de qualidade superior, 54% do vinho de alta qualidade e 37% de vinho regional. No tocante à cor do vinho é uma proporção de aproximadamente 27% de vinhos tintos, 63% vinhos brancos e 10% de vinhos espumantes e rosados. Concluiu a Eslovena susana Pendic em seu discurso .

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.