Veja a programação completa do Carnaval no DF

Expectativa é que mais de 1,7 milhão de pessoas circulem por 17 regiões administrativas em todo o período de festejos

Fantasias escolhidas, purpurina e confete comprados: os brasilienses estão preparados para o Carnaval 2024. A programação do Distrito Federal vai, oficialmente até terça (13). Mais de 150 agremiações desfilarão pelas ruas, sendo que 56 blocos fazem parte da festa oficial da cidade. A expectativa é que 1,7 milhão de pessoas circulem por 17 regiões administrativas ao longo dos dias de folia.





A festa oficial é realizada por meio de termo de colaboração entre a Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec-DF) e a Associação Amigos do Futuro. O projeto recebeu o nome de DF Folia 2024. “Este é um momento de celebração e alegria, no qual a diversidade cultural do Distrito Federal se manifesta de forma vibrante e única. Nossa expectativa é de que o Carnaval seja um evento marcante, democrático, repleto de energia positiva e momentos inesquecíveis para todos os foliões”, defende o titular da Secec, Claudio Abrantes.

O pré-Carnaval ocorreu no último final de semana, nos dias 3 e 4, quando houve a saída de cinco blocos – Beco Elétrico, Galo Cego, Suvaco da Asa, Trem das Cores e Cafuçu do Cerrado. Já a ressaca está programada para o dia 17, sábado, quando o bloco Gagá…..Vião do Cruzeiro ocupará o estacionamento ao lado da Feira Permanente da cidade, das 10h às 20h.

Além disso, entre esta sexta e o dia e 13, a população será animada por 50 blocos de diferentes nichos e ritmos musicais. Quem vai comandar a folia desta sexta serão os blocos Grupo 7 na Roda, na Quadra 5 do Setor Comercial Sul; Carnaval Urgente, na Quadra 2 do Setor Bancário Sul; e Parece Mas Não É, no Polo de Modas do Guará.

Diversidade e acessibilidade

Brasília é um mosaico de culturas, cores e sabores. Nesta época do ano, a diversidade da capital federal fica ainda mais evidente.

Foto: Divulgação/Bloco Brincantes do Gama

Os blocos oferecem programações com ritmos musicais para todos os gostos e atividades para todas as idades. “Aproveitem o Carnaval com responsabilidade e com muito respeito, garantindo que todos possam desfrutar dessa festividade tão importante de forma segura e saudável”, enfatiza o secretário de Cultura e Economia Criativa.

O bloco ARaaXXtaa é estreante na folia brasiliense e promete arrastar crianças, adultos e idosos pelas ruas da Candangolândia neste sábado (10). “Vamos começar com uma matinê, às 10h. Será um baile para a melhor idade, em que os moradores vão poder curtir o dia com suas famílias. Às 14h, o trio começa a circular pela cidade, parando no Bar do Ronaldo e na Distribuidora do Portela, e finalizando no Parque do Bosque. Vamos ficar lá até o final, que será à zero hora”, explica o idealizador do ARaXXta, Marcos Junior Viana.

O bloco Brincantes do Gama também vai animar a população com uma mistura de tradição, diversão e cultura popular. O grupo começou a brincar nas ruas da região em 2008 e, desde então, sempre esteve presente no Carnaval do DF. A folia deste ano será no sábado (10), a partir das 15h, na praça do Cine Itapuã. Haverá apresentações do Grupo Samba Flores, da Escola de Samba Mocidade do Gama e do DJ Aroldo, além da feira de artesanato Gama Criativo e o lançamento do Bloco Baiano de Quenguenhém – O Bloco que Toca Raul!.

Para garantir a curtição de todos os foliões, haverá intérprete de Libras no palco e audiodescrição para deficientes visuais. “O nosso bloco começa com a parte mais lúdica, com a presença dos bonequeiros e dos palhaços, dedicado ao público infantil. Mas teremos também apresentações para o público adulto ao longo do dia e, principalmente, a partir das 18h”, explica o idealizador do Brincantes do Gama, Marcos Augusto de Rezende.

As informações são da Agência Brasília.

 

Compartilhe
Fabiana Ceyhan

Fabiana Ceyhan

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.