Embaixadores da Austrália e Reino Unido se reúnem para promover o esporte Cricket no Brasil

                                                                     

Em um jogo animado no clube Nipo vários brasileiros, estrangeiros entre eles alunos de escolas públicas em Brasília, se reuniram,ontem(19 de agosto)  para um jogo entre Austrália e Reino Unido com a presença dos Embaixadores dos dois países. Sr. John Richardson e do Embaixador do UK in Brazil, Dr. Vijay Rangarajan. A intenção é promover o esporte nas escolas brasileiras . Alunos da escola CEF de Miguel Arcanjo e do Centrão de São Sebastião estavam presentes e falaram um pouco sobre o aprendizado do novo esporte, Felipe oliveira de 17 anos e Pedro Henrique disseram gostar muito do esporte pois estimula a concentração e paciência . A jogadora da seleção brasileira de Cricket ,Daniele afirmou que a prática do Cricket mudou sua vida , pois perdeu cerca de 30 kg e ainda estimulou algumas habilidades Técnicas como a coordenação, mira, paciência e interação social.

A noite o Embaixador Australiano recebeu em sua residência oficial em Brasília vários incentivadores e jogadores  o  evento beneficente teve como objetivo arrecadar fundos para desenvolver o Cricket para crianças no DF. Toda a renda será revertida para caridade.

Entenda o Cricket:

Quem conhece a cultura e a história da Inglaterra, já deve ter ouvido falar no cricket(em português, críquete), que foi criado no sul da Inglaterra durante o século XVI. O esporte foi inspirado em um jogo rudimentar medieval e rural chamado stoolballe então adotado pela nobreza no século XVII. Os Australianos também são muito adeptos ao Jogo pois carregam muitas heranças britânicas devido a colonização e são excelentes jogadores e  esportistas .

Assim como no taco (aquele jogo que todos já devem ter jogado quando mais novos) e no beisebol, o cricket utiliza bolas e tacos. No Brasil, porém, pela semelhança de nomes, costuma ser confundido com o croquê, mas são dois esportes totalmente diferentes. No cricket, jogam onze de cada lado, em um campo sem dimensões fixas, mas sempre muito amplo. O jogo em si se passa em uma faixa retangular com 20,1 metros de comprimento, onde a bola (de cortiça e couro) chega a atingir 150km/h(!). A bola é lançada pelo arremessador contra o alvo do adversário, três varetas fincadas no solo, chamadas de stumps, que é defendida pelo rebatedor.

No começo, os jogos podiam durar até 10 dias! Os dias de hoje, porém, exigiram mudanças: a maioria dos jogos é disputada em dois tempos, em uma tarde ou noite.(Fonte :Cultura Inglesa)

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.