Embaixada de El Salvador abre suas portas para um evento cultural salvadorenho e brasileiro.

 

No dia de ontem, 18 de julho, a embaixada de  EL  Salvador no Brasil, em coordenação com a associação de música e literatura do Brasil (almub), organizaram um  encontro litero-Musical  , pelo qual músicos e poetas brasileiros, parceiros de diferentes instituições brasileiras, corpo diplomático credenciado em Brasília e membros da comunidade salvadorenha no Brasil, desfrutaram  dos clássicos da música  dos  dois países
Com  participação do coral alegria de almub e do duo jota, que realizaram uma interpretação magistral de clássicos da música salvadorenha, tais como o escamudo, chapéu azul e canca lauit tunal, e de clássicos da música brasileira tais como o escamudo. Copacabana, tributo alegria, tico tico não fubá e brasileirinho.

Membros da comunidade salvadorenha no Brasil, declamaram  poemas de salarrue, Alberto Masferrer e Pedro Geoffroy Rivas, enquanto escritores e membros de almub, declamaram  poemas de Olavo Bilac, Cecília Meirelles e Rachel de Queiroz.

Em Seu discurso , a embaixadora Diana  vanegas enfatizou  que o encontro era uma forma de aproximar as duas culturas ” uma noite de encontro das almas do povo brasileiro e salvadorenho, uma noite para aprofundar sobre a riqueza da música e literatura salvadorenha e.. Brasileira. Uma noite também dedicada à língua espanhola e nahuat-Salvadorenha e à língua portuguesa ”

 

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.