Embaixada da Argélia promove evento cultural e destaca as obras de Oscar Niemeyer

Exposição de fotografias: “Concrete Spring” “Oscar Niemeyer, Argélia e a arquitetura da revolução” A Embaixada da Argélia e a Universidade de Brasília prestaram,ontem,11 de agosto uma  homenagem ao célebre arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer, cinco anos depois do seu falecimento, com uma exposição de fotos sobre suas obras na Argélia que permanecerá, de 11 de agosto a 8 de dezembro de 2017, na sua própria casa localizada no Park Way. Esta homenagem coincide com a celebração do 30º aniversário da classificação de Brasília como patrimônio mundial da UNESCO e do 55º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre o Brasil e Argélia, logo após a independência daquele país no dia 5 de julho de 1962.

O Fotógrafo:

 

Jason Oddy passou o verão investigando este notável legado modernista. Seu objetivo era duplo. Em primeiro lugar, destacar estas obras-primas esquecidas da arquitetura do século XX. Em segundo lugar – e talvez mais criticamente – perguntar como esses lugares que foram projetados para forjar e capacitar a geração pós-colonial da Argélia podem ser relevantes ainda hoje. Com seu movimento lento, sua câmera de grande formato, Jason Oddy mergulhou-se por dias, às vezes semanas, em cada um dos projetos argelinos de Niemeyer. O trabalho preciso e sensível que ele produziu tentou mostrar como tal arquitetura poderia dar forma às pessoas que a habitam. O trabalho de Oddy também procura reinscrever essa arquitetura de esperança num novo contexto diferente daqueles dias pós-revolucionários. Biografia de Jason Oddy O trabalho de Jason Oddy é uma pesquisa de campo. Do Pentágono à Baía de Guantánamo, e dos antigos sanatórios soviéticos às instalações criogênicas na América, ele procura nos levar além dos locais específicos que ele fotografa, às ideias e forças que estão por trás deles. Seu trabalho foi exibido internacionalmente, inclusive na Galeria dos Fotógrafos (Londres), na Galeria Yossi Milo (Nova York) e em Paris Photo. A série Concrete Spring foi exibida recentemente na Trienal de Milão, no Tropenmusem (Amsterdã) e atualmente faz parte da exposição “Made in Algeria, Généalogie d’un territoire” no MuCEM (Marselha). O trabalho de Oddy é realizado numa série de importantes coleções públicas e privadas, incluindo as da Fundação Wellcome, Channel 4, Citibank Private Bank, o Michael Wilson Center For Photography e da coleção Elton John. Jason Oddy esteve,ontem em  Brasília  no evento e expõe pela primeira vez seu trabalho no Brasil.

Presenças : (foto)

Consul Britânico em MG- Tomaz Nemes

Jason Oddy- Fotográfo

Chafik Kelala -Embaixada da Argélia

Mohammed-Embaixada do sudão

Tayana – FUNAI

 

 

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.