Casos globais de COVID-19 superam 400 milhões, diz Universidade Johns Hopkins

 Os casos globais de COVID-19 ultrapassaram 400 milhões na terça-feira, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins.

A contagem global de casos foi de 400.244.031, com 5.761.208 mortes em todo o mundo, até 17h21 (2221 GMT), mostraram os dados.

Os Estados Unidos relataram 77.025.027 casos e 908.262 mortes, ambas as maiores contagens em todo o mundo, representando mais de 19% dos casos globais e mais de 15% das mortes globais.

A Índia registrou a segunda maior cifra de casos do mundo, com 42.339.611, seguida pelo Brasil, com 26.776.692 casos, bem como o segundo maior número de mortes do mundo, com 634.057.

Países com mais de 12 milhões de casos também incluem França, Reino Unido, Rússia e Turquia, enquanto outros países com mais de 200 mil mortes incluem Índia, Rússia, México e Peru, de acordo com a contagem da universidade.

Os casos mundiais atingiram a marca sombria de 100 milhões em 26 de janeiro de 2021, subiram para 200 milhões em 4 de agosto e ultrapassaram 300 milhões em 6 de janeiro de 2022.

Fonte: Xinhua

Compartilhe
Fabiana Ceyhan

Fabiana Ceyhan

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.