Austrália e Reino Unido promovem evento beneficente para incentivar o cricket no Brasil

Vários convidados marcaram presença no evento beneficente promovido pelas embaixadas da Austrália e do Reino Unido no Brasil, que aconteceu no dia 04 de agosto na residência oficial britânica. Os convidados pagaram 250 reais e tiveram a oportunidade de participar de um coquetel, jantar  e baile . O evento foi um incentivo ao esporte cricket .

A cidade onde crianças de escolas públicas mais praticam o esporte no Brasil é Poços de Caldas, em Minas Gerais, onde cerca de 1250 crianças são ensinadas . A  capitã da seleção brasileira de cricket  Roberta Avery  e o presidente do Cricket Brasil, o Britânico Matt Featherstone estavam presentes , assim como vários outros integrantes dos times que participaram do jogo  durante o dia. O embaixador Britânico Vijay Rangarajam , anfitrião do evento, saudou a todos presentes e agradeceu ao apoio e presença de todos enfatizando a importância do esporte. Australianos e membros da missão diplomática também agradeceram e  marcaram presença

A mineira, capitã da seleção brasileira de cricket, Roberta Avery, conversou com o Brasilia in Foco e ao ser questionada sobre o que considera um  ponto diferente no esporte, que pode também ser visto como uma vantagem,  ela diz que a cordialidade e respeito que  são regras pétreas  neste esporte, segunda Roberta , o nível de respeito é muito alto e as pessoas que se envolvem com o esporte acabam sendo moldadas para seguir aquelas regras e o cricket, quando ensinado desde a  infância, pode também ajudar a moldar o caráter. ” Não podemos comemorar a perda e os erros dos adversários, somos encorajados a sermos melhores em campo, mas nunca a diminuir nossos concorrentes”.

Seguem os relatos fotográficos (feitos com exclusividade pelo Brasilia in Foco) do jantar e Baile :

                                

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.