Patrícia Campos Mello recebe condecoração do governo francês

Repórter especial e colunista da Folha de S.Paulo, Patrícia Campos Mello recebe nesta segunda-feira (9/8) a Ordem Nacional do Mérito, concedida pelo governo francês. A honraria será entregue pela embaixadora da França no Brasil, Brigitte Collet, e pelo cônsul-geral da França, Yves Teyssier d’Orfeuil.

Criada em 1963 pelo então presidente Charles de Gaulle, a insígnia é oferecida a pessoas com “méritos notáveis” no exercício de sua função por pelo menos dez anos.

Com mais de 25 anos de carreira no Jornalismo, Patrícia ganhou grande notoriedade nacional e internacionalmente em 2018, após publicar a reportagem Empresários bancam campanha contra o PT pelo WhatsApp. O trabalho de apuração denunciava investimentos não declarados de R$ 12 milhões por apoiadores do então candidato Jair Bolsonaro, ação proibida pela Justiça Eleitoral.

Por causa da reportagem ela passou a receber ataques e ameaças nas redes sociais. Seu WhatsApp foi invadido e mensagens pró-Bolsonaro foram enviadas aos seus contatos. Ela também recebeu ameaças por telefone, foi vítima de diversas notícias falsas e alvo de insultos de cunho sexual durante a CPMI das Fake News por parte de membros do governo, incluindo o presidente Jair Bolsonaro.

Em contrapartida, pelo trabalho de investigação jornalística realizado, Patrícia Campos Mello tornou-se uma das jornalistas mais premiadas do Brasil, terminando os anos de 2019 e 2020 como a +Premiada Jornalista do Ano, segundo o Ranking dos +Premiados da Imprensa Brasileira.

De 2018 para cá, ela acumulou reconhecimentos como o Troféu Especial do Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos, o International Press Freedom Award, tradicional reconhecimento concedido pela entidade internacional CPJ (Comitê para Proteção dos Jornalistas), e o Maria Moors Cabot, mais antiga premiação de jornalismo do mundo, concedida pela Universidade Columbia, de Nova York.

Fonte: Portal dos Jornalistas

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.