O País sede das olímpiadas 2020 também participou da Feira das Embaixadas 2018

O País sede das olímpiadas 2020 também participou da Feira das Embaixadas 2018. A Missão diplomática no Brasil  trabalhou com muito afinco e o sucesso dos japoneses, como sempre é um fato . Organização , pontualidade, esforço e muito trabalho não faltaram a essa maravilhosa equipe .  A embaixatriz Yamada e cônjuges dos diplomatas japoneses foram responsáveis por montar e administrar o estande da Embaixada do Japão, que recebeu a visita de muitas pessoas interessadas em comprar produtos tradicionais e pequenos objetos. Graças ao sucesso de público, o evento foi muito animado.   A renda de R$7,000 (equivalente a 210 mil ienes) obtida por meio da venda de produtos na feira  foi doada a grupos filantrópicos de Brasília por meio do GCCM.

 

Informações sobre as Olimpíadas de 2020.

O governo japonês montou um planejamento que tem como foco repetir o sucesso e inovação da Olimpíada de 1964, em Tóquio. As Olimpíadas de 2020 no Japão terá ênfase em tecnologia, infraestrutura e sustentabilidade.

Trem Bala mais rápido e taxis sem motorista

O Japão está apostando em novas tecnologias para locomoção na cidade de Tóquio durante as olimpíadas, novos Trens flutuantes estão sendo lançados, sendo capazes de alcançar até 600 quilômetros/h.

Alguns taxis durante os jogos funcionarão sem os motoristas, isso será possível com o lançamento de uma nova tecnologia implantada nos carros. O país também substituirá uma parcela dos voluntários com robôs automatizados que irão ajudar os turistas.

Nova proposta de sustentabilidade

O país asiático está apostando em uma pegada sustentável para o evento. A cidade de Tóquio sediará o evento com principal proposta do Combate ao Desperdício e da emissão zero de poluentes. Terá um forte investimento em energia sustentável, como exemplo, a vila olímpica será totalmente movida a hidrogênio.

Cerimônias de Abertura e Encerramento

As cerimônias de abertura e encerramento do evento serão feitas no estádio olímpico em Tóquio. O estádio foi construído no lugar onde se localizava o estádio principal do evento em 1964. O novo estádio será feito com uma estrutura completamente renovada e projetado pela arquiteta Zaha Hadid.

Vila olímpica será o centro dos jogos

O governo japonês quer que todos os jogos sejam realizados em arenas e estádios próximos a vila olímpica. A recomendação é que as arenas escolhidas fiquem a no máximo 8 quilômetros da vila para evitar deslocamentos custosos e que gerem grandes taxas de poluição.

As duas áreas principais de competição são o Estádio Olímpico e a arena na Bahia de Tóquio. A vila olímpica será construída no centro, entre as duas áreas.

 

 

 

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.