Governo do Kuwait anuncia que só continuará com o isolamento social completo até o dia 30 de maio

O governo do Kuwait anunciou que só continuará com o isolamento social completo até o dia 30 de maio. Segundo informou a agência oficial de notícias do país, a Kuwait News Agency (Kuna), o vice-primeiro-ministro do Kuwait, Anas Al-Saleh, optou por tentar reabrir a economia pois havia a possibilidade de extensão do confinamento após 31 de maio.

O toque de recolher completo ou lockdown que está em vigor atualmente foi anunciado em 10 de maio pelas autoridades do Kuwait. A imposição seguia a recomendação das autoridades de saúde, em uma tentativa de controlar um aumento nos casos do coronavírus.

O Ministro Al Saleh informou, em uma coletiva on line de imprensa , que irá dar mais detalhes sobre o que classificou como retorno à normalidade do país a partir desta quinta-feira (28). Ele também informou que o Ministério da Saúde acredita que o toque de recolher completo ajudou o país a melhorar a situação do país em meio a pandemia.

Até o momento, o governo informou que Kuwait registrou 21.967 casos confirmados de covid-19, incluindo 165 mortes. Com a decisão do governo do Kuwait, este será, mais um país do Golfo a anunciar uma flexibilização das restrições de movimentação social em função da covid-19, após os Emirados Árabes Unidos e a Arábia Saudita.

Outros países árabes já anunciaram que vão relaxar medidas restritivas. Entre eles, o Egito, que está se preparando para retomar o Turismoe a Argélia, que anunciou retomada da importação de carros novos no país.

Com informações da ANBA

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.