Embaixada da França e UnB lançam Cátedra de Altos Estudos em Ciências Humanas e Ssociais

Visando concretizar colaborações acadêmicas entre pesquisadores franceses e brasileiros, Cátedra coloca em debate temas atuais e visa expandir parcerias em disciplinas diversas

Apresentando projetos de pesquisa concluídos ou em andamento, pesquisadores em início de carreira reuniram-se na UnB para o evento Jornadas Jovens Pesquisadores em Ciências Humanas e Sociais: olhares cruzados França-Brasil. Realizado em parceria com a Embaixada da França, o encontro culminou no lançamento da Cátedra de Altos Estudos em Ciências Humanas e Sociais.

Com objetivo de concretizar colaborações acadêmicas entre pesquisadores franceses e brasileiros, a Cátedra coloca em debate temas atuais e visa expandir parcerias em disciplinas diversas. São elas: Filosofia, Linguística, Literatura, História, Geografia, Sociologia, Antropologia, Psicologia, Ciência Política, Relações Internacionais, Economia e Direito. Apesar de ter sido firmada em 2021, a cerimônia de lançamento aconteceu somente agora, em razão da pandemia de covid-19.

“A UnB e a Embaixada da França decidiram que seria importante dar destaque a essa área de Ciências Humanas e Sociais. O funcionamento desta parceria é amplo e um dos principais elementos é a reciprocidade. Essa troca vem sendo desenvolvida em várias ações de cooperação científica, como apoio a mestrandos e doutorandos”, ressaltou Enrique Huelva, vice-reitor da Universidade de Brasília.

A ideia surgiu a partir da confluência de interesses entre a UnB e a Embaixada da França. De acordo com a professora Ana Rossi, gestora da Cátedra, o acordo de cooperação constatou a importância dos laços históricos entre instituições dos dois países. “Ela visa ajudar na mobilidade de pesquisadores nossos com as diversas instituições francesas. Visamos realizar pesquisas a partir de problemáticas transversais e objetos de estudos inovadores dos campos disciplinares dos quais a UnB também apresenta níveis de excelência”, explicou.

Além do vice-reitor, Enrique Huelva, participaram da mesa de abertura, entre outros, o adido científico da Embaixada da França no Brasil, Nacer Boubenna e a professora Ana Rossi. “Essa jornada busca fortalecer as relações científicas entre nossos dois países e aumentar o diálogo entre as disciplinas participantes. A próxima deve acontecer entre 2024 e 2025 e deve valorizar ainda mais nossa contribuição científica”, destacou Nacer ao falar sobre o evento Jornadas Jovens.

Confira as principais atividades do evento, em registro da UnBTV:

As informações são da UnB Notícias

Compartilhe
Fabiana Ceyhan

Fabiana Ceyhan

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.