Embaixada da França divulga o prêmio literário “Choix Goncourt Brésil”

Vencedor será conhecido no dia 23 de novembro

A embaixada da França está promovendo a quinta edição do “Choix Goncourt Brésil”, prêmio literário afiliado ao prestigioso Prix Goncourt francês. Alunos e professores de 16 universidades federais brasileiras trabalharam quatro obras de autores francófonos durante o último semestre, 12 delas participaram do processo de seleção.

O título escolhido pelo júri será revelado durante o Congresso Pan-Americano de Professores de Francês, Sedrifrale, que este ano acontece em Brasília e reúne professores e estudiosos da língua francesa de todo o continente.

Neste ano, o júri será presidido pela escritora, jornalista e fotógrafa francesa Emilienne Malfatto, vencedora do Goncourt primeiro romance em 2021, por seu livro “Que por você se lamente o tigre”, publicado no Brasil pela editora Nós.

Quatro títulos aparecem como finalistas:

    • Le Mage du Kremlin, Giuliano da EMPOLI (Gallimard)
    • Vivre vite, Brigitte GIRAUD (Flammarion)
    • Les Presque Sœurs, Cloé KORMAN (Seuil)
    • Une somme humaine, Makenzy ORCEL (Rivages)

Sobre o Goncourt

Referência entre os prêmios literários na França, o famoso Prix Goncourt tem edições brasileiras desde 2019. Criado para promover a literatura contemporânea francesa e incentivar a tradução. Concebido e coordenado pelos serviços cultural e educativo da Embaixada da França no Brasil, a edição brasileira funciona de modo transversal e participativo, e este ano envolveu 16 universidades *. O júri é composto de 1 estudante e 1 professor de 12 dessas universidades.

O título vencedor do prêmio será apresentado a editoras brasileiras para garantir uma tradução no país com apoio da Embaixada da França.

Universidades participantes: Universidade Federal do Ceará (UFCE), do Maranhão (UFMA), Fluminense (UFF), de Minas Gerais (UFMG), do Amazonas (UFAM), do Pará (UFPA), de Pernambuco (UFPE), de São Paulo (UNIFESP), de Santa Catarina (UFSC), do Paraná (UFPR), da Paraíba (UFPB), do Piauí (IFPI), de Juiz de Fora (UFJF) e de Campina Grande (UFCG), Universidade estadual do Rio de Janeiro (UERJ) e Universidade de Brasília (UnB).

Saiba mais sobre Emilienne Malfatto

Emilienne Malfatto é uma fotógrafa, jornalista e escritora premiada. Seu trabalho gira em torno de questões sociais, feministas e de pós-conflito no Oriente Médio, na América Latina e na Europa.
Suas fotos foram publicados no The New York Times, The Washington Post, Le Monde, entre outros grandes veículos. Ela também colabora com ONGs, como a Médicos Sem Fronteiras.
É autora dos romances ” Que por você se lamente o tigre” e “Le Colonel ne dort pas”. Seu livro de não ficção “Les serpents viendront pour toi” (Les Arènes), sobre os assassinatos de líderes sociais na Colômbia, recebeu o prêmio Albert Londres.

Compartilhe
Fabiana Ceyhan

Fabiana Ceyhan

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.