China estabiliza comércio exterior e investimentos afirma O vice-primeiro-ministro

Pequim, 10 jul (Xinhua) — O vice-primeiro-ministro chinês, Hu Chunhua, pediu nesta quinta-feira esforços para manter estável o desempenho geral do comércio exterior e dos investimentos.

Hu, também membro do Birô Político do Comitê Central do Partido Comunista da China, fez as observações em uma teleconferência.

O comércio exterior e o investimento desempenham um papel significativo no desenvolvimento da economia da China. A estabilização do comércio exterior e do investimento é uma parte importante dos esforços para garantir a estabilidade em seis frentes e a segurança em seis áreas, disse Hu.

As seis frentes são emprego, setor financeiro, comércio exterior, investimento estrangeiro, investimento doméstico e expectativas. As seis áreas se referem à segurança do emprego, necessidades básicas de vida, operações de entidades do mercado, segurança alimentar e energética, cadeias industriais e de suprimentos estáveis e funcionamento normal dos governos de nível de base.

Hu enfatizou que as políticas governamentais devem ser implementadas plenamente e os serviços às empresas devem ser impulsionados para ajudar as empresas a superar as dificuldades no contexto de um ambiente internacional grave e complicado e da situação de pandemia da COVID-19.

Deve-se fazer tudo para ajudar as empresas a estabilizar suas quotas de mercado e deve-se apoiar novas formas de negócios e novos modelos de comércio exterior a fim de acelerar seu desenvolvimento, disse Hu.

Ao mesmo tempo, o vice-premiê pediu esforços para manter a estabilidade e a integridade das cadeias industriais e de suprimentos e desempenhar plenamente o papel das empresas investidas pelo exterior na cadeia industrial, além de promover a abertura em um nível mais alto.

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.