China continuará compartilhando conquistas de desenvolvimento com o mundo, diz porta-voz da chancelaria

País asiático é considerado o maior motor da economia mundial

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores chinês disse, nesta quinta-feira (21), que a China continuará a expandir a abertura de alto nível, melhorar o ambiente de negócios, intensificar a proteção da propriedade intelectual, formar um ecossistema de inovação aberto e globalmente competitivo e compartilhar com o mundo as conquistas de desenvolvimento da China.

De acordo com notícias, Steven Barnett, representante residente sênior do Fundo Monetário Internacional (FMI) na China, disse em uma entrevista recente que a China contribuirá com um terço do crescimento econômico global em 2023. Ele previu que um crescimento maior e mais resiliente está dentro do alcance da China em 2024.

“Ultimamente, muitas organizações internacionais, como o FMI e a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), revisaram para cima suas projeções de crescimento para a China em 2023 e estão confiantes nas perspectivas econômicas da China no próximo ano”, afirmou o porta-voz Wang Wenbin em uma coletiva de imprensa.

Wang disse que a China é amplamente considerada o maior motor da economia mundial. A pesquisa do FMI mostra que o crescimento mais rápido na China tem repercussões positivas no resto do mundo. Um aumento de um ponto percentual na China aumentaria, em média, o nível de produção em outras economias em 0,3%.

Observando que a China tem um mercado de hiperescala com o maior potencial do mundo, Wang disse que as políticas macroeconômicas introduzidas pelo governo chinês deram um forte impulso à economia. Há amplo espaço para uma maior implementação das políticas monetárias e fiscais. O aprofundamento generalizado da reforma e abertura da China proporciona um forte impulso para um desenvolvimento econômico sólido e sustentado. Uma nova rodada de revolução científica e tecnológica e transformação industrial no mundo também apresenta um amplo palco para a economia chinesa.

Em suma, há condições mais favoráveis do que fatores adversos para o desenvolvimento da China, a tendência de recuperação econômica e trajetória sólida de longo prazo não mudou, e os fatores e condições que apoiam o desenvolvimento de alta qualidade estão aumentando, acrescentou Wang.

“Damos as boas-vindas a empresas de todo o mundo para continuar vindo à China para o sucesso global”, disse Wang.

As informações são da Agência Xinhua.

Compartilhe
Fabiana Ceyhan

Fabiana Ceyhan

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.