Brasil sedia fórum sobre mercado halal em outubro

O fórum que se tornou o maior debate sobre o mercado halal no Brasil e o maior espaço para networking na área terá a segunda edição neste ano, nos dias 23 e 24 de outubro, na cidade de São Paulo. Promovido pela Câmara de Comércio Árabe Brasileira e pela certificadora Fambras Halal, o Global Halal Brazil Business Forum (GHB) vai reunir especialistas, autoridades e empresários do Brasil e mundo. Na foto acima, a 1ª edição.

“Vamos mostrar a importância desse mercado para o empresariado brasileiro e para as autoridades brasileiras, e ao mesmo tempo, apresentar aos participantes árabes e islâmicos que o Brasil é um bom e confiável parceiro comercial no que diz respeito ao halal”, diz o presidente da Câmara Árabe, Osmar Chohfi.

Os organizadores querem sensibilizar mais players do Brasil para o fornecimento ao mercado halal e enviar ao mundo islâmico a mensagem sobre a grandiosidade que o País já possui na área, como o maior fornecedor global de proteína halal, e a capacidade para ir além, atendendo novos setores e mais países com populações islâmicas.

“É um momento histórico para o setor no Brasil. Nós reuniremos as principais autoridade dos países ligados ao halal mundial, além de trazer personalidades brasileiras, o que demostra a relevância do halal no mundo, especialmente a importância para o Brasil”, diz Ali Zoghbi, vice-presidente da Fambras Halal.

Os produtos halal são aqueles produzidos de acordo com os preceitos do Islã. Isso significa que estão aptos a serem consumidos por muçulmanos que vivem em países islâmicos e outras regiões do planeta. Para que um produto seja considerado halal é preciso que tenha um selo halal emitido por certificadora da área atestando a conformidade.

“O mercado islâmico reúne quase 60 países em todo o mundo, com uma população de 1,97 bilhão de habitantes e uma movimentação econômica de US$ 5,7 trilhões anuais. É um mercado muito significativo”, diz Chohfi. Segundo ele, o Brasil faturou em torno de US$ 23 bilhões com exportações de alimentos e bebidas a países islâmicos em 2022.

Além de ser o maior produtor e exportador de proteína halal do mundo, o Brasil é um dos maiores fornecedores internacionais de alimentos produzidos com certificação halal, além de um hub de distribuição de produtos desse nicho para os demais países do Mercosul – Argentina, Paraguai e Uruguai. O Brasil também abriga população com 1,9 milhão de muçulmanos, um mercado consumidor importante para o halal.

O GHB pretende trazer as últimas novidades sobre o halal e ser uma grande discussão sobre os rumos desse nicho, por meio das vozes dos maiores especialistas internacionais na área. Na edição de 2021, o encontro reuniu mais de 50 oradores em dez painéis e contou com a participação de três mil pessoas, entre audiência virtual e presencial. Participaram ministros brasileiros e líderes das mais respeitadas entidades islâmicas árabes.

As grandes temáticas da segunda edição serão “Oportunidades para o Brasil no crescimento da economia global halal e as finanças islâmicas”, “A agregação de valor da certificação halal para o consumidor”, “A digitalização como impulsora de negócios globais halal”, “Halal na rastreabilidade, blockchain e certificação”, “Os hubs estratégicos para acesso ao mercado halal” e “Turismo e entretenimento halal: inovação e competitividade”.

O evento será realizado de forma presencial no WTC Events Center, na Avenida das Nações Unidas. Haverá transmissão pelo YouTube. As inscrições para interessados em participar do GHB estão abertas e são gratuitas. Também está aberta ainda a possibilidade para empresas associarem sua marca ao evento como patrocinadoras.

A plenária ocorre pela manhã e durante as tardes dos dois dias, haverá o Congresso Técnico Científico Halal (CTEC Halal) promovido pela International Academy Halal “A estrutura do GHB tem algumas novidades importantes: o congresso técnico científico que vai acontecer, alguns temas ligados ao halal como turismo e logística serão abordados de maneira bastante especial, e além disso, vamos falar das questão ligadas à rastreabilidade, uma ferramenta poderosa desenvolvida no Brasil que vai aumentar muito a credibilidade que já existe dos serviços feitos no Brasil com esse selo halal”, relata Zoghbi.

Nos dias seguintes aos debates também haverá rodadas de negócios e visita a empresas pelo Projeto Halal do Brasil. A iniciativa é levada adiante pela Câmara Árabe e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) para promover a entrada e o aumento da presença de empresas nacionais do setor de alimentos e bebidas, especialmente as fabricantes de produtos de maior valor agregado, no mercado halal internacional.

Serviço:

Global Halal Brazil Business Forum
Dias 23 e 24 de outubro de 2023
WTC Events Center
Av. Nações Unidas, 12.551 – São Paulo – SP
Mais informações e inscrições aqui

As informações são da ANBA.

Compartilhe
Brasília in Foco

Brasília in Foco