A embaixada da Turquia em Brasília comemorou ontem, o dia da independência

A embaixada da Turquia em Brasília comemorou ontem, o dia da independência,  em uma recepção  organizada pelo Embaixador Ali Kaya  e diplomatas.  A  intervenção de Ataturk na história que mudou o destino da Turquia é sempre celebrada no país em 29 de  outubro. No discurso o embaixador se despediu do Brasil, anunciando a sua aposentadoria e agradece a cordialidade dos brasileiros e o carinho de todos e ressaltou que as excelentes relações diplomáticas entre Brasil e Turquia devem sempre permanecer fortes pois já  duram 160 anos.

 

Discurso do Presidente Erdogan;

Comemorando o 95º aniversário da declaração da Turquia como República, Erdogan disse em uma mensagem emitida pela presidência que ele continuaria trabalhando duro para “preservar a nossa República para sempre”.

“Nunca faremos concessões nessa posição e não permitiremos que qualquer jogo, qualquer obstáculo e nenhuma sabotagem nos afastem de nossos objetivos”, acrescentou o presidente turco.

“Vamos coroar nossa grande jornada histórica desde os seljúcidas até os otomanos e depois até a jovem República da Turquia com nossas metas para 2023 e espero que possamos avançar para um nível mais alto com nossas visões para 2053 e 2071.”

“Em nossa luta para levar nosso país acima do nível da civilização contemporânea, vejo cada passo que damos para uma democracia avançada e uma economia forte como uma esperança para o nosso glorioso futuro. Nosso novo aeroporto em Istambul é um deles”

 O presidente Erdogan disse também  que a Turquia prefere ser um país que compartilha sua casa e pão com os oprimidos,  do que ser aquele que vira as costas para eles.

 

Em 29 de outubro de 1923, após declarar a república no país e votar na Grande Assembléia Nacional, Mustafa Kemal Atatürk foi eleito por unanimidade como primeiro presidente da República da Turquia.

Relatos fotográficos da recepção em Brasília.

Jornalista por formação, Professora de Inglês (TEFL, Teaching English as a Foreigner Language). Estudou Media Studies na Goldsmiths University Of London e tem vasta experiência como Jornalista da área internacional, tradutora e professora de Inglês. Poliglota, já acompanhou a visita de vários presidentes estrangeiros ao Brasil. Morou e trabalhou 15 anos fora do país.